Famílias de mortos em escola de Suzano serão indenizadas em R$ 100 mil

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou que o estado vai pagar uma indenização de 100 mil reais às famílias dos alunos e funcionários mortos no massacre na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano (SP). A condição para o pagamento é ter a garantia de que os familiares não processem judicialmente o estado por causa dos assassinatos, ocorridos em um edifício público.

O decreto com a medida será publicado nesta sexta-feira, 15, no Diário Oficial de São Paulo. Doria ressaltou que a indenização é uma atitude do governo que não depende de ações judiciais. “Não há necessidade disso [de judicialização]”, comentou. O pagamento será acertado com as famílias por meio da Prefeitura de Suzano.

O valor será pago em trinta dias, garantiu o governador em coletiva de imprensa. Os familiares terão que escolher entre entrar com um processa na Justiça ou receber a indenização. “Evidentemente, cada familiar pode tomar a decisão de receber ou preferir demandar judicialmente o Estado. Obviamente está dentro do seu direito”, afirmou, segundo o MSN.

Doria foi à escola na quarta-feira 14 logo após os assassinatos. Ele afirmou, emocionado, que o ataque foi a cena mais triste que já assistiu em toda a sua vida. “Fiquei chocado com o que vi”, disse no colégio onde aconteceu o crime. O governador declarou luto oficial de três dias no estado de São Paulo.

15/03/2019

(Visited 4 times, 1 visits today)